Explora

perdão

pessoal

Carta ao meu corpo (in)desejado

12 Maio, 2020

Rasguei as roupas que um dia não couberam dentro de mim. Rasguei os textos soltos que um dia escrevi, com ódio de mim. Quis voltar a ser uma semente, sem corpo ainda a que pertencer. Demorei a perceber que é apenas um corpo, que a alma sempre será o maior motivo para ficar, mas que devo cuidar do que me foi dado a usar. Usei-o…