devaneios

Vida em suspenso

8 Abril, 2020

Março, 29. 2020

23h35: Como o mundo corre depressa… as horas atropelam-se, o mundo está em standby e os nossos corações gritam, num puro silêncio exterior. O silêncio nos consome, de formas inimagináveis, e o desconhecimento do futuro assombra-nos. Sentimos falta dos abraços, do trânsito caótico, das pessoas a nosso redor e até da nossa rotina massacrante. Reclamávamos quando tínhamos liberdade de fazer melhor, de sair e de desfrutar de momentos a sós com o mar e o vento. Hoje estamos resguardados, mas não temos a vida em suspenso. Não podemos ser derrotados tão facilmente. Há que agarrar nas oportunidades e nas coisas que ainda podemos mudar, pensar na realidade que queremos ter depois da pandemia e o que tem de mudar em nós. Sim, em nós. Nada muda no mundo se nós não mudarmos primeiro. Se é tempo de pensar, principalmente, no porquê da revolta do planeta. Afinal, ele conseguiu aprisionar-nos e castigar-nos da pior forma.

— Nunca ninguém se questionou sobre o planeta, até ele nos forçar a parar e parar também. Agora temos tempo para mudar. Mudem!

Share Button
  • Avatar
    Reply
    Andreia Morais
    8 Abril, 2020 at 18:27

    Temos que continuar a lutar. E, sobretudo, a ser conscientes nas nossas decisões

Deixa o teu comentário