devaneios

Longe de dentro.

8 Maio, 2020

Janeiro, 11. 2020

15h20: Andei por muito tempo procurando um sítio onde caber, onde pertencer. Acabei por me dar conta, ao fim de tantas derrotas que sou o melhor lugar para me pertencer. O melhor abraço é o meu. Devo estar em paz comigo mesma. Devo ser o meu porto seguro, o meu melhor abrigo para sempre. Chega de dar essa responsabilidade a um outro alguém que tem tanto ou mais poder de me derrubar e magoar. Chega de procurar um lugar quando eu sou um lugar, o melhor lugar. O único lugar onde sempre pertenci e sempre irei pertencer.

— Quanto mais procurarmos fora, mais longe estaremos de dentro.

Share Button
  • Avatar
    Reply
    Andreia Morais
    8 Maio, 2020 at 16:31

    Vivemos muito tempo a achar que temos que nos moldar para caber nos espaços dos outros, mas a verdade é que, apesar de nos adaptarmos aos outros, não temos que o fazer com esse intuito. Temos de, como tu referes e bem, ser o nosso lugar, porque isso é sinal que nos valorizamos e respeitamos!

    • Carolina
      Reply
      Carolina
      8 Maio, 2020 at 16:42

      Exatamente. Confundimos muito o adaptar-nos às pessoas e seus feitios com moldar-nos à mesma. São coisas distintas. Deveríamos preservar quem somos e não mudar só para deixar o outro contente e satisfeito.

Deixa o teu comentário